Por que a Monarquia Eletiva é o melhor sistema de governo

Devido às polêmicas de determinadas famílias reais, muitas pessoas veem como desnecessárias uma monarquia pomposa nos dias atuais. Essas incongruências acontecem principalmente por causa da monarquia hereditária, onde muitas vezes pessoas despreparadas e fracas são agraciadas com um título do qual não estão à altura.

O mundo moderno exige regimes mais democráticos e a fase de monarcas por vontade divina não convencem mais a pessoas esclarecidas.

Mas, o que muitos não sabem é que já existe um bom sistema de governo, que infelizmente foi suplantado e esquecido por aqueles que não querem um governo realmente popular.

Esse tipo de governo se chama Monarquia Eletiva, em que o rei é eleito pra um cargo vitalício por um Conselho devidamente preparado pra essa função.

Essa forma de governo foi a mais popular durante milhares de anos, era uma forma universal de governo desde tribos de guerreiros de todos os povos ao grandes impérios da humanidade. E atualmente é mundialmente conhecida através do Vaticano, funcionando muito bem.

Mas, algumas pessoas argumentam que um monarca hereditário é treinado desde cedo pra ser rei?

Sim, mas essa afirmação não passa de uma falácia, como podemos ver ao longo da história, ser filho de um bom rei nunca fez ninguém um bom monarca, e são muitos os casos na história de péssimos monarcas hereditários que quase destruiram sua nação, e que por irresponsabilidade acabaram por destruírem o sistema monárquico em seus países.

Só pra lembrar Nero, um dos piores imperadores romanos que já existiu, veio por hereditariedade, e recentemente vários problemas com alguns monarcas.

Além disso, um monarca moderno com algumas exceções têm a função de dar estabilidade ao governo que em geral será gerenciado por um primeiro ministro, tornando sem nenhum sentido ainda mais a hereditariedade.

E, as pessoas de tendência progressista preferem formas de governo mais democráticas, em que essas estórias de sangue azul, de uma elite privilegiada descendente de senhores feudais não tem nenhum apoio nessas pessoas.

Já uma monarquia eletiva, por ser de fato democrática e dar chance a todas as famílias pode receber mais apoio entre as correntes progressistas e assim efetivamente termos um governo ainda mais estável.

Outra vantagem da monarquia eletiva é não ter disputas familiares de sucessão, o que já levou países a se desintegrarem e até a guerras civis; até mesmo a igreja católica foi dividida em um país, devido ao rei necessitar de um herdeiro, algo impensável numa monarquia eletiva.

Além de que, numa monarquia eletiva não se tem o problema de se colocar em crianças, adolescentes ou jovens, um fardo muito pesado pra se carregar, já que em geral, só seriam escolhidos pessoas mais velhas, honestas com uma índole e reputação inabalável.

Todo país que deseja estabilidade governamental deve adotar a monarquia parlamentarista, mas essa não precisa ser como alguns querem nos fazer acreditar, hereditária..

Podemos muito bem ter uma monarca com todos os benefícios que esse tipo de governo nos traz, mas de uma maneira nobre e mais democrática com um 'rei por merecimento' como é na Monarquia Eletiva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

copyright © . all rights reserved. designed by Color and Code

grid layout coding by helpblogger.com