A revelação do Profeta Rammir MarrSall

Havia um profeta e rei muito justo chamado *Rammir MarrSall, esse *profeta vivia em comunhão com o Eterno e sempre fazia o que era bom para seu povo incentivando-os a buscar a verdade, e a serem honestos em todos os seus atos.


Mas, estava acontecendo um período estranho no Conselho dos Sábios, muitos estavam tendo visões e recebendo mensagens supostamente divinas, foi quando esses sábios começaram a atacar os estrangeiros a quem chamavam de infieis.

Rammir quando soube disso mandou prendê-los mas eles se refugiaram num templo, e imploraram pra que Rammir reconsiderasse pois estavam fazendo apenas a vontade divina.

Rammir orou ao Eterno por sabedoria, e naquela noite uma luz bem forte desceu até ele no seu jardim, dentro dessa luz havia um ser que parecia um homem vestido de branco com asas fluorescentes..

Rammir ficou calado e apenas esperou pelas palavras do ser misterioso..

_Sou o anjo do Senhor, teu Deus! Por que não cumpriu o que o Senhor te ordenou, Rammir?

Rammir orava em silêncio, assombrado ante tão grande visão e tremia muito inquieto.. Finalmente se encheu de coragem e disse:

_ Como poderia eu atentar contra a vida de pessoas inocentes que estão sobre a minha proteção?

O anjo falou:

_ Basta! Quem você pensa que é pra questionar a vontade do Eterno? Vá e mate a todos os que não creem em meu nome!

Rammir falou:

_ Não, eu não vou fazer isso! Não vou cometer tão grande injustiça, se o Eterno é Deus, que ele mesmo faça o que deseja! Não vou sujar minhas mãos com sangue inocente..

O anjo falou:

_ Como ousa? Você deve fazer o que o Eterno, teu Deus deseja. Agora vá, faça logo!

Rammir com coragem disse:

_ Prefiro morrer ou sofrer os piores castigos do que cometer tal injustiça! Faça o que quiseres comigo, mas eu não farei.. O Eterno deu a vida a todos, que Ele a tire.. Ele é Deus, não precisa de mim pra nada.. Faça o que quiseres ou me mate..

O anjo continuou:

_ Sua desobediência não ficará impune perante o Eterno, já que recusaste a sua vontade. Mas tenho outra ordem do Eterno, ele manda te dizer que os conselhos antigos não estão corretos e que você deve construir um novo templo com uma nova doutrina que vou te dizer todos os dias..

Rammir respondeu:

_ Não, eu não vou fazer isso! A doutrina do Eterno já está na minha alma, meu corpo é seu santuário, e o mundo é seu templo. Que o Eterno me perdoe, mas vou continuar seguindo a lei do meu espírito..

O anjo ficou irado, começou a ofender, e partiu para ferir a Rammir. O profeta fechou seus olhos e já esperava seu fim, louvando o Eterno pelo dom da não-existência.. Mas, nesse momento, o véu da realidade foi rasgado, pela Consciência Eterna, a verdadeira face do anjo foi revelada, e o demônio se mostrou, porém a proteção do verdadeiro Deus cobriu Rammir e o iluminou.. o demônio não suportou e saiu da presença do profeta queimado e espantado pela luz eterna..

E uma voz foi ouvida..

_ Rammir, meu amado filho! Você foi muito sábio e fiel, e fez o que é correto, mesmo desobedecendo a uma ordem que pensou que fosse minha..

E continuou

_Rammir, o que é certo, é certo, mesmo que eu mesmo quisesse anular, nem mesmo minha vontade poderia quebrar essa lei, e você agiu com prudência e sinceridade..

Por conta disso, seu reino será ainda mais próspero e seu nome será lembrando por muitos do amanhã. Pois ouviu a minha voz, mesmo contra o que parecia ser a minha voz..

Rammir respondeu:

_Graças te dou, ó Inigualável, Imensurável Sabedoria, honrado e abençoado eu me sinto por está em Sua presença, e espero sempre julgar com justiça a todos aqueles que confiaste a mim, mesmo aos que não creem, mas seguem a lei escrita em suas almas e vivem na honestidade.. Louvado seja o teu Nome, para sempre..

Quando os sábios souberam disso, imploraram perdão a Rammir, desejosos ainda de viver em suas antigas glórias e postos. Mas, Rammir os repreendeu:

_ Ouçam, antigos sábios que agiram como tolos, vocês conhecem a lei, e sabem que o que você dá, você deve receber, vocês profanaram a visão e a justiça do Eterno, feriram inocentes e merecem a morte!

Mas, como hoje o Eterno demonstrou sua Bondade, hoje é dia de festa em todo o reino, e vocês receberão algo quer será como a morte pra vocês, vocês serão despojados de tudo, e vagarão por terras estrangeiras, assim saberão como os estrangeiros sofrem em lugares hostis. E assim aprenderão a humildade tendo trabalhos humildes..

Os antigos sábios então foram despojados e banidos a vagar como estrangeiros, eles mereciam a morte por seus crimes, mas como Rammir profetizou, essa punição pra eles foi pior da que a própria morte..

Muitos morreram de desgostos e ódio, mas alguns poucos se arrependeram verdadeiramente vivendo na humildade, e trabalharam para o bem das pessoas daquele país para pagarem por sua maldade.

Porém, nunca mais foram aceitos no Reino do Rammir MarrSall, embora reencontraram a graça e o perdão do Eterno em suas vidas, mesmo distantes.

Louvado seja a Consciência Eterna e Suas revelações.

Aisi ~


*Se pronuncia Hebier Beriseim
*Profeta é um homem sábio que orienta as pessoas, e não um advinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

copyright © . all rights reserved. designed by Color and Code

grid layout coding by helpblogger.com